7.06.2016
Gruta de Alvados, Portugal

Gruta de Alvados, Portugal

 

Se em certa altura
Tivesse voltado para a esquerda em vez de para a direita;
Se em certo momento
Tivesse dito sim em vez de não, ou não em vez de sim;
Se em certa conversa
Tivesse tido as frases que só agora, no meio-sono, elaboro —
Se tudo isso tivesse sido assim,
Seria outro hoje, e talvez o universo inteiro
Seria insensivelmente levado a ser outro também.

Álvaro de Campo (Heterônimo de Fernando Pessoa)

  Se em certa altura Tivesse voltado para a esquerda em vez de para a direita; Se em certo momento Tivesse dito sim em vez de não, ou não em vez de sim; Se em certa conversa Tivesse tido as frases que só agora, no meio-sono, elaboro — Se tudo isso tivesse sido assim, Seria […]



5.06.2016
Gruta de Alvados, Portugal

Gruta de Alvados, Portugal

 

O essencial é saber ver
uma aprendizagem de desaprender
Saber ver sem estar a pensar
Saber ver quando se vê
Ver com o pasmo essencial que tem uma criança, ao nascer
Sentir-se nascido a cada momento
para a eterna novidade do mundo…

Alberto Caeiro. Fernando Pessoa.

  O essencial é saber ver uma aprendizagem de desaprender Saber ver sem estar a pensar Saber ver quando se vê Ver com o pasmo essencial que tem uma criança, ao nascer Sentir-se nascido a cada momento para a eterna novidade do mundo… Alberto Caeiro. Fernando Pessoa.



4.06.2016
Gruta de Alvados, Portugal

Gruta de Alvados, Portugal

 

Trila na noite uma flauta. É de algum
Pastor? Que importa? Perdida
Série de notas vaga e sem sentido nenhum.
Como a vida.

Fernando Pessoa

  Trila na noite uma flauta. É de algum Pastor? Que importa? Perdida Série de notas vaga e sem sentido nenhum. Como a vida. Fernando Pessoa






%d blogueiros gostam disto:
DESIGN POR JESS