Now reading

Oscar 2017: “Moana: Um mar de aventuras” (2016)

Oscar 2017: “Moana: Um mar de aventuras” (2016)
Oscar 2017: “Moana: Um mar de aventuras” (2016)

 

Indicação:

  • Melhor Animação
  • Canção original: “How Far I’ll Go”

 

 

Meus filhos já tinham visto Moana com o pai. Mesmo assim, eles se dispuseram a ir ao cinema comigo também. Escolhi uma das poucas sessões com som original.

Costumo gostar muito de animações. Acho que tenho ainda um lado infantil muito exacerbado.

A história do filme é sobre a jovem Moana que vive em uma ilha do Pacífico com o povo de sua tribo; seu pai é o chefe e ela terá que assumir esse papel em breve.  O pai não permite que ninguém tente navegar além dos recifes que cercam a ilha, por receio das tempestades e dos perigos que eles podem encontrar. No entanto, começa a faltar alimento na ilha e os problemas são devidos a uma ação antiga do semi deus Mauí. E Moana parte em uma viagem pelo oceano para resolver esse problema.

A qualidade técnica da animação é incrível; os tecidos, roupas, objetos parecem reais. Dwayne Johnson está impagável na voz de Mauí e muitos dos movimentos do semi deus foram inspirados pelo próprio ator. A história do filme é muito bonita e vale a pena assistir, tanto crianças quanto adultos.

Mas preciso fazer uma confissão. Não gostei da maioria das músicas. Achei algumas muito cansativas e acabei me lembrando de dois filmes da Disney dos quais não gostei muito: Pocahontas e Frozen. Sei que Frozen foi um dos maiores sucessos da Disney em bilheteria (acho que o maior, se não me engano). Mas eu achei um pouquinho cansativo… será um pecado confessar isso?

Moana tem um bom enredo, uma animação incrível, algumas músicas muito boas (principalmente aquelas com maior destaque para a percussão, em um ritmo mais havaiano) e vale a pena assistir.

No Globo de Ouro, a premiação de Animação acabou ficando com Zootopia, também da Disney. Eu acho, entretanto, que Moana vai acabar ficando com o Oscar.

E vale lembrar que continuam melhorando as personagens femininas nos filmes da Disney. Elas não são mais apenas princesas. Agora elas assumem sua importância e partem em aventuras para resolver os próprios problemas. Nesse aspecto, o filme é absolutamente incrível! Espero que as meninas se espelhem nessa personagem forte e decidida para lutarem por maior igualdade entre os gêneros em todos os países, culturas e religiões.

 

 

– Sílvia Souza

Written by

1 Comment

Instagram
  • #miguelestevescardoso #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #cesarecantú #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #thubtenchodron #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #albertcamus #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #lamatseringeverest #citações #budismo #reflexõesdesilviasouza