Now reading

Medicina e Saúde: Deficiência de Vitamina D

Medicina e Saúde: Deficiência de Vitamina D
Medicina e Saúde: Deficiência de Vitamina D

O que é deficiência de vitamina D?

Isso ocorre quando os níveis de vitamina D no corpo estão insuficientes. A deficiência de vitamina D deve ser tratada, porque ela é necessária para a absorção de cálcio e exerce outras funções importantes no corpo.

As pessoas que não têm níveis adequados de vitamina D podem ter:

  • ossos fracos, que podem sofrer fraturas com maior facilidade ou mudar o formato
  • fraqueza muscular, levando a maior risco de queda

 

Há um exame para identificar a deficiência de vitamina D?

Sim. Há um exame de sangue que mede o nível de vitamina D. As pessoas com maior risco de deficiência de vitamina D são aquelas que:

  • passam a maior parte do seu tempo dentro de casa ou de ambientes fechados.
  • têm problemas médicos (como a Doença Celíaca) que podem reduzir a absorção de vitamina D
  • têm osteoporose, que é uma doença que causa ossos fracos
  • apresentam fraturas ósseas com facilidade, como após uma queda simples

 

Quais são os alimentos que contêm vitamina D?

Os alimentos e bebidas que contêm uma grande quantidade de vitamina D incluem:

  • Leite, suco de laranja ou iogurte com adição de vitamina D
  • Salmão
  • Atum enlatado
  • Cereais com adição de vitamina D
  • Óleo de fígado de peixe

Nosso corpo é preparado para produzir vitamina D quando exposto ao sol.

 

O que são suplementos?

Suplementos são comprimidos, cápsulas ou líquidos que tenham nutrientes. Os suplementos podem constituir em uma outra forma de se obter vitamina D.

 

Há necessidade de usar suplementos que contenham vitamina D?

Recomenda-se a ingestão de 800 Unidades Internacionais de Vitamina D ao dia. As pessoas que não consumam alimentos ricos em vitamina D diariamente e que não se expõem ao sol podem precisar de suplementos de vitamina D.

O médico pode orientar a melhor forma de se usar o suplemento e a dose adequada de vitamina D ao dia.

A vitamina D não pode ser ingerida em excesso. Nessa situação, ela também pode trazer riscos à saúde.

 

Written by

6 Comments
  • Mariel F. Fernandes disse:

    Laranjada vale, certo? Certo. Já disse que gosto das tuas sombrancelhas?

  • Carlos Moya disse:

    Olá Sílvia sobre as deficiências de vitamina D. Em países que gostam de muitas horas de sol durante todo o ano temos a sorte. Mas dán o mesmo no inverno que no verão? Um abraço.

    • Olá, Carlos!
      Não é a mesma coisa. No verão, a posição do Sol permite um maior estímulo à formação de Vitamina D do que no inverno. Apenas na região Equatorial não há diferença.
      O estímulo também é diferente quanto ao horário do dia (o sol das 10 da manhã às 14 horas é mais eficiente) e também quanto à cor da pele.
      Beijo!

  • Thais Gualberto disse:

    Eu fui diagnosticada recentemente com grave deficiência de vitamina D, mas já comecei a reposição e agora faltam só quatro cápsulas para eu poder repetir o exame. Espero que dê certo, já que sou muito branca e passo muito tempo em locais fechados…

    Beijos!!

    • Olá, Thaís!
      Vai dar certo, sim. Essa é a conduta.
      Hoje em dia, tem sido muito, muito frequente a Deficiência de Vitamina D. É uma das doenças mais comuns na Endocrinologia.
      Uma pessoa me falou que, no Canadá, estão fazendo a suplementação na água, como fazemos aqui com o flúor. Mas o fato é que não sei se essa informação procede. Não fui verificar. Mas não duvido.
      Beijo grande!

Instagram
  • #gilbertcesbron #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #catão #ocensor #citações #romaantiga #reflexõesdesilviasouza
  • #françoisehéritier #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #jorgeluisborges #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #miguelestevescardoso #citações #reflexõesdesilviasouza