Now reading

Filme “O Agente da U.N.C.L.E.” – 2015 (“The Man from U.N.C.L.E.”)

Medos cotidianos
Next post
Filme “O Agente da U.N.C.L.E.” – 2015 (“The Man from U.N.C.L.E.”)
Filme “O Agente da U.N.C.L.E.” – 2015 (“The Man from U.N.C.L.E.”)

Acho que todas as pessoas apaixonadas por cinema devem ter suas preferências por diretores, atores, atrizes específicos. Eu tenho minhas escolhas também. Confesso que, em se tratando de diretores, foi algo que demorou muito. Eu não procurava saber quem estava por trás das câmeras; nem entendia bem sua importância (é até um sacrilégio dizer isso!!!).

Mas com a idade, a maturidade e a curiosidade, comecei a perceber que eu gostava de filmes específicos que eu identificava como sendo de algum diretor em particular. Com isso, fui construindo minha lista dos meus diretores preferidos. E seguindo meu traço de personalidade de alguém obsessivo compulsivo, passava a alugar todos os filmes do diretor em questão, em ordem cronológica, para ver se confirmava minha preferência. Incluo na minha lista: Woody Allen, Christopher Nolan, François Ozon, Quentin Tarantino (nem todos os filmes)… e Guy Ritchie (apenas alguns deles).

O primeiro filme de Guy Ritchie que vi foi “Rock’n’Rolla” de 2008. Adorei o ritmo do filme. Depois dele, passei a cumprir meu ritual e assisti a todos que já tinham saído (menos o da Madonna). Gostei mais de uns, menos de outros. Achei “Jogos, trapaças e dois canos fumegantes” sensacional! Gostei dos outros que se seguiram: os dois do Sherlock Holmes.

Fiz questão de assistir ao mais recente: “O Agente da U.N.C.L.E.”. Fui ao IMAX (embora não fosse em 3D, mas tinha aquela tela imensa).

E não me desapontei. O ritmo um pouco diferente dos outros, mas um filme divertido, com ação, humor, bom enredo, bons atores.

Valeu muito a pena!

Pode ser que agrade a muitas pessoas. Certamente agradará mais àqueles que gostarem do trabalho de Guy Ritchie e seu humor inglês.

 

 

– Sílvia Souza

Written by

5 Comments
  • Cris Campos disse:

    Dei boas risadas com esse filme. Mas ficou um parêntese.
    E se me permite coloco um também no Tarantino da sua lista. rs

    Bjo Sílvia!

  • Eu não gosto do Woody Allen, e odeio Quentin Tarantino .
    No entanto eu acho legal assistir sem pré conceitos para absorver o que há de bom em todo e qual filme .

    Eu curto muito o Michel Gondry , Charlie Kaufman , mas tento ver um pouco de tudo …

  • aurokam disse:

    Fã de Guy Ritchie e Tarantino !? Quem diria… costumo rotular os filmes do Ritchie como “fockin’ movies”. Sempre tem a f-word com sotaque cockney, é quase marca registrada.
    Valeu a dica.

    • Silvia Souza disse:

      Que surpresa boa te ver aqui comentando!
      Você gosta de Guy Ritchie e Tarantino?
      Esse “O agente da U.N.C.L.E.” tem menos f-word. Mas tem a marca dele de qualquer forma.
      Eu gostei.
      Espero que goste também!
      🙂

  • aurokam disse:

    Gosto bastante destes dois diretores. O Guy Ritchie eu descobri meio por acaso, quando percebi as semelhanças de estilo entre o Rock’a’rolla e o “Canos fumegantes”. Já do Tarantino eu virei fã depois do Pulp Fiction. Um diretor que te faz quase arrancar os braços da cadeira de tanta tensão merece respeito. E o humor negro que ele adota é muito típico dos médicos, não tem como não se identificar.
    Mas o meu favorito mesmo é Stanley Kubrick. Esse era gênio.
    Teu blog tem muita coisa pra explorar, mas tou gostando muito. Parabéns, foi uma grata surpresa ver tanto talento.

Instagram
  • #gilbertcesbron #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #catão #ocensor #citações #romaantiga #reflexõesdesilviasouza
  • #françoisehéritier #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #jorgeluisborges #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #miguelestevescardoso #citações #reflexõesdesilviasouza