Só hoje (Dale Carnegie)
Previous post
Now reading

A Fuga

A Fuga
A Fuga

Naquele dia acordei com uma necessidade.

Precisava me presentear com o controle da minha vida. Eu precisava deixar de viver de acordo com o que as pessoas esperavam de mim. Precisava me isolar e saber exatamente quais eram minhas escolhas e minhas decisões, sem a opinião de todas as pessoas que estavam à minha volta.

Acordei, me vesti como se fosse trabalhar.

Peguei todos os documentos que poderiam ser necessários.

Beijei meus filhos enquanto eles ainda dormiam. Embora me angustiasse deixá-los dessa forma, sem uma despedida, eu sabia que o pai seria capaz de cuidar deles nessa minha ausência sem notificação antecipada.

Dei as orientações para o almoço.

Saí de casa, sem saber quando voltaria.

Peguei um taxi e pedi apenas para que fosse ao aeroporto internacional.

Chegando lá, me dirigi à primeira companhia que encontrei e comprei uma passagem disponível para um de seus destinos.

Liguei para o pai dos meus filhos e avisei sobre minha fuga. Pedi que avisasse às pessoas para que não se preocupassem.

E voei para aquele destino não escolhido.

Cheguei à cidade grande. Quase todos os voos se dirigem às grandes cidades. Mas eu tinha necessidade do isolamento.

Quase imediatamente após minha chegada, peguei um trem que me levaria ao meu destino final.

Desembarquei naquela pequena estação. Um lugar pequeno e desconhecido.

– Sílvia Souza

(31/01/2015)

 

Written by

Instagram
  • #lamatseringeverest #citações #budismo #reflexõesdesilviasouza
  • #honorédebalzac #citações #trechosliterarios #amulherdetrintaanos #reflexõesdesilviasouza
  • #edmundburke #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #rubemalves #citações #reflexõesdesilviasouza
  • #pearlbuck #citações #reflexõesdesilviasouza