29.08.2016

 

A partir dos anos finais da década de 1930, o mundo passou a viver épocas de grande instabilidade política, discórdias ideológicas e disputas pelo poder.

Em 1926, tem início a Ditadura Militar em Portugal e, em 1933, começa o Estado Novo, acompanhado de prisões, torturas e mortes. Em 1936, teve início a Guerra Civil Espanhola, que também deixou seu capítulo sangrento na História. Em 1933, Hitler passou a ocupar o governo da Alemanha e a praticar as perseguições a inúmeros povos, além de invasões, em um desejo de expansão. Em 1937, o Japão invadiu a China. Ao mesmo tempo em que Hitler expandia o território alemão, a União Soviética lutava para invadir a Finlândia e dividiu com a Alemanha a ocupação da Polônia. Nessa mesma época, outras guerras e disputas aconteciam na América do Sul e na Ásia. De um momento para outro, as pessoas perdiam suas casas, todas as suas posses, muitas vezes eram transferidas para outros lugares, para campos de concentração ou para campos de trabalho forçado ou perdiam suas vidas ou entes queridos.

O filme “Na Ventania” é um filme produzido pela Estônia e conta a história da invasão soviética no país. A invasão aconteceu em 1941 na Estônia, Letônia e Lituânia. Muitas pessoas foram presas e enviadas para campos de trabalhos na Sibéria. Aqueles envolvidos em movimentos de defesa dos países foram mortos sem julgamento. Mais de 500 mil pessoas desses países foram mortas no chamado Holocausto Russo.

O filme mostra todo este horror e sofrimento de uma forma extremamente sensível e original. Ele é todo em preto e branco. Há algumas cenas com ação realmente. Mas a maior parte do filme é feito com cenas estáticas, como se fossem fotografias em 3D. A câmera vai percorrendo a cena, onde os atores mantêm-se absolutamente imóveis, e vão sendo lidas as cartas de Erna Tamm que sobreviveram a tudo e ajudaram a narrar este período triste da História.

Nas cenas, pouca coisa se movimenta, como um lenço ou um ramo de flores. E o interessante é que, embora o filme quase não tenha ação ou movimento, ele nos mantém conectado ao que é narrado e é capaz de emocionar, entristecer, revoltar.

Achei o filme maravilhoso, por conseguir mostrar um período tão horrível de uma forma tão delicada.

Para os apreciadores do cinema europeu, fica a dica deste filme incrível.

 

  A partir dos anos finais da década de 1930, o mundo passou a viver épocas de grande instabilidade política, discórdias ideológicas e disputas pelo poder. Em 1926, tem início a Ditadura Militar em Portugal e, em 1933, começa o Estado Novo, acompanhado de prisões, torturas e mortes. Em 1936, teve início a Guerra Civil […]


Comentários desativados em Filme “Na Ventania” (“Risttuules” – 2014)

Nenhum comentário em “Filme “Na Ventania” (“Risttuules” – 2014)”



%d blogueiros gostam disto:
DESIGN POR JESS