10.05.2016

levi_strauss_vintage_womens_jeans_0

 

Quando eu era pequena, tinha que vestir um jeans como uniforme da escola, junto com a camiseta do colégio. Os jeans eram grossos, duros e resistentes. Dobrávamos a barra para ajustar o comprimento e eu ainda me sentia muito feliz por poder usar um jeans.

Durante muitos anos, usei o mesmo tipo de calça. Mudava o corte, mais justo ou mais largo, mas o jeans fazia parte do meus vestuário do dia a dia.

Quando eu já era adolescente, começaram a surgir os modelos de jeans com elastano. Mas no início, não eram muito bonitos. Aos poucos foram aperfeiçoados e as calças ficaram muito mais confortáveis.

Hoje em dia, os tecidos são mais finos, mais flexíveis, ajustam-se melhor ao corpo e incomodam muito menos. E, ainda assim, é quase impossível conseguir convencer meus filhos a vestirem um jeans!

Desde muito mais novos, eles dizem que aperta, incomoda, prende os movimentos… e não aceitam usar. Comprei marcas diferentes, com maior quantidade de elastano, modelos mais largos; mas os dois perdiam as calças tendo usado 1 ou 2 vezes apenas (quando obrigados). Gostam apenas de usar umas calças super maleáveis de um tecido chamado thermo block.

Mas chegou a idade em que eles querem se arrumar um pouquinho melhor; e voltamos às buscas dos jeans, para usar com camisa e até com um blazer.

Eis que chego à loja onde costumo comprar roupas para eles, e a vendedora me apresenta os “jeans” feitos com malha de moletom. Parecem jeans… mas são feitos de malha! Ficam perfeitos no corpo e meus filhos adoraram.

Com isso, descubro que não são apenas os meus meninos que não gostam dos jeans… é algo comum à maioria dos meninos: eles não querem vestir nada que incomode. E a tecnologia vai ajudando a resolver o problema.

catalogo-ss15-13

– Sílvia Souza

Sonnenblume_02_KMJ

  Quando eu era pequena, tinha que vestir um jeans como uniforme da escola, junto com a camiseta do colégio. Os jeans eram grossos, duros e resistentes. Dobrávamos a barra para ajustar o comprimento e eu ainda me sentia muito feliz por poder usar um jeans. Durante muitos anos, usei o mesmo tipo de calça. […]


  • Os jovens querem seguir o mesmo estilo como seus amigos. E alguns mais velhos compram as roupas em pares. Para evitar ter de passar mais tempo na loja. Um abraço.
    “Loja” é tienda en castelan. Lonja onde o leilão de peixes. qui no galego dicese “Rula”.

    • Como os termos são diferentes!
      Um dos maiores perigos na tentativa de compreender outro idioma são esses falsos cognatos… E é interessante que mesmo entre o português do Brasil e o de Portugal, a mesma palavra pode ter significados completamente diferentes…
      Mas acabamos por nos entender…

      • E se nós podemos rir um pouco com esses equívocos o debate terá um valor duplo. Um abraço

  • Rancho do Peregrino

    Realmente, mas hoje em dia há jeans menos secos… E há vários produtos para amaciá-los. Abrs


%d blogueiros gostam disto:
DESIGN POR JESS